PESTE SUÍNA AFRICANA - RECOMENDAÇÕES GERAIS E MEDIDAS DE BIOSSEGURANÇA

Data: 2019/06/26

Nº de visualizações: 4787

Face ao risco acrescido decorrente da presença do vírus da Peste Suína Africana em diversos países europeus e constituindo a entrada nas explorações de suínos de pessoas estranhas ao seu funcionamento um dos fatores de risco, divulgam-se, por solicitação da DGAV, as recomendações e medidas de biossegurança dirigidas aos agentes do setor.

 

 

 

 

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico.